Seplag capacita 56 gestores municipais no Agreste

Inscrições de 2 mil anos encontradas em Israel intrigam arqueólogos
7 de agosto de 2015
Meu antigo Bom Jardim – PE
7 de agosto de 2015

Os municípios do Agreste pernambucano tiveram a oportunidade de capacitar, entre os dias 3 e 7 de agosto, 56 gestores municipais nas áreas de Elaboração de projetos de obras e serviços e Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse. A iniciativa é da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) que, através do Instituto de Gestão, vem promovendo Ciclos de Capacitação para servidores municipais em todo o Estado.

CURSO SICONV MODULO II AGRESTE

 A ação acontece de forma regionalizada. Realizada em Caruaru, essa foi a segunda etapa do II Ciclo promovido em 2015. Antes, os mesmos cursos já haviam sido oferecidos em Petrolina, para todos os municípios sertanejos. Ainda em agosto, no Recife, as aulas se repetirão para os gestores da Zona da Mata e da Região Metropolitana. No primeiro Ciclo, realizado entre maio e junho, os participantes aprenderam sobre Contratação, fiscalização de obras públicas e prestação de contas e Captação de recursos e convênios.

  O secretário executivo de Desenvolvimento do Modelo de Gestão da Seplag, Maurício Cruz, destaca que os Ciclos estão totalmente em sintonia com o Mapa da Estratégia da gestão, já que atende, ao mesmo tempo, a premissa Parceria com os Municípios e o Foco Prioritário no Interior do Estado.

 “O Governo do Estado está fazendo um trabalho incessante de apoiar os municípios e o ciclo de capacitação faz parte deste conjunto de ações. É uma ótima oportunidade para as prefeituras melhorarem seus quadros e o trabalho não para por aí. Já estamos organizando outros módulos. O terceiro módulo deve versar sobre modelo de gestão e elaboração de orçamentos e, até o fim do ano, devemos montar cursos de gestão de resíduos sólidos e outros temas de interesse dos municípios”, afirmou Maurício.

 O secretário de Controle Interno de Vertente do Lério, Inaldo Pessoa, foi um dos gestores que participaram do curso. Ele destacou a iniciativa como sendo muito oportuna e necessária. “O Governo do Estado, a Seplag, o Instituto de Gestão provam que estão atentos e conhecem bem a realidade e as necessidades dos municípios pernambucanos. Estes cursos trarão frutos a todas as cidades de Pernambuco, uma vez que as prefeituras estarão mais aptas no planejamento das suas ações, no gerenciamento dos seus recursos e mais eficientes na prestação de contas”, opinou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *