Mãos inchadas ao caminhar: Conheça as causas e como lidar

Apendicite: o que é, aguda, sintomas (dor), cirurgia, o que causa, CID
12 de fevereiro de 2019
3 dicas para fazer da atividade física um hábito
12 de fevereiro de 2019

Ficar com as mãos inchadas ao se exercitar pode assustar. Mas calma, entende nesse artigo sobre as causa e como lidar com a situação.

Por Milena Costa

Você já saiu para caminhar ou se exercitar e percebeu suas mãos inchadas? Pode parecer um pouco assustador na hora, mas é possível lidar com essa situação e existem explicações.

Nesse artigo vamos falar sobre as causas mais comuns e sobre como você pode lidar com a situação. Para evitar que se agrave e manter seu bem-estar ao se exercitar.

Por que as mãos inchadas ao caminhar?

Mãos inchadas

Nem todo mundo sofre com isso. Mas quem já passou pela situação pode ter ficado um pouco assustado. No geral as mãos ficam inchadas após uma hora de caminhada ou de exercícios mais intensos.

Abaixo vamos listar algumas das causas mais comuns. Além de explicar como você deve lidar com essa situação.

Retenção de líquido

Erros

Essa é uma das causas para ficar com mãos inchadas ao se exercitar. Com o exercício o corpo começa a reter líquido para evitar que você fique desidratado. É uma reação do corpo para nós manter vivos, e com isso as mãos ficam inchadas.

O corpo não sabe que você vai beber água, ele está preocupado com sua sobrevivência. Então é importante tomar água.

Insuficiência cardíaca

onde correr

Se o coração não tem força para bombear o sangue, o sangue pode se acumular nas mãos e por isso as mãos inchadas. Não precisa entrar em pânico, mas é bom respeitar seus limites.

Não tente avançar se perceber que não está aguentando a atividade. Se tem algo que você não quer é passar mal.

Excesso de sal

A ingestão excessiva de sal pode causar a retenção de líquido. Por isso é importante estar atento a sua alimentação. Como foi dito a retenção de líquido é uma das causas das mãos inchadas. Mas ela pode ser causada por uma dieta desequilibrada.

Beba água com cautela

coco

O recomendado não é exagerar na água. É importante sim tomar água. Mas se você tomar muita água antes de se exercitar e só vir tomar depois as chances do seu corpo reter água são maiores.

Vá tomando água aos pouquinhos durante todo o exercício. E não espere sentir sede. Beba em pequenos golinhos ao longo da atividade. Reduzindo a necessidade do seu corpo de reter água por não estar recebendo o líquido.

Procure um médico

Avaliação física

O acompanhamento médico é essencial para todos, principalmente para quem pratica exercícios. Você deve procurar um médico e de preferência um cardiologista para assegurar que o seu coração aguenta a carga do exercício.

Se o médico chegar a conclusão que você não aguenta atividades de alta intensidade, vai ser importante seguir as orientações dele.

Retire anéis e pulseiras

Mãos inchadas

Antes de ir se exercitar remova anéis e pulseiras para não ficar apertado se suas mãos incharem. Se não abre mão do relógio, tente deixar mais folgado. Assim você não agrava o problema.

Movimente os braços

Para melhorar a sensação ruim movimente os braços e os dedos durante a caminhada. Levante e balance os braços. Também é bom manter os braços elevados ao correr. Para facilitar o trabalho de bombear do coração.

Fonte – https://malharbem.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *