“Lula tá preso, babaca!” de Cid Gomes viraliza na internet

Morre Gil Gomes, famoso jornalista policial
16 de outubro de 2018
Na Venezuela, venda de carne podre e cadáveres que explodem por falta de eletricidade em necrotérios
16 de outubro de 2018
O esculacho em Lula e no PT protagonizado pelo senador eleito Cid Gomes num ato pró-Fernando Haddad no Ceará viralizou nas redes sociais e irritou profundamente a cúpula do partido. Cid Gomes foi o primeiro a falar no evento no auditório de um hotel em Fortaleza. Quando sugeriu que o partido deveria fazer uma autocrítica e reconhecer os erros do passado, o ex-governador foi interrompido pela militância que começou a gritar “Olê, olê, olê, oláááá, Lulaaaa, Lulaaaa…”. Irritado, Cid Gomes foi implacável com o PT e com os petistas presentes ao declarar que “O PT vai perder a eleição e vai perder feio”. “Não admitir os erros que cometeram é pra perder a eleição. E é bem feito… Vão perder feio! Porque fizeram muita besteira, porque aparelharam as repartições públicas, porque acharam que eram donos de um país. E o Brasil não aceita ter dono…” afirmou o senador.

Na medida em que alguns militantes gritavam o nome de Lula mais alto, o irmão de Ciro Gomes ironizou o comportamento do grupo e mandou a pedrada: “Que Lula? Lula tá preso, babaca!”. Ao detonar Lula e o PT em pleno evento do partido, cercado pela militância fanática, Cid Gomes entra para a história do Ceará como o homem que chutou o balde do presidiário e de seu fantoche.

O choro é livre, Lula não. O PT merece perder, diz Cid Gomes a petistas e completa: “Lula, o que? Lula tá preso, babaca”

O senador eleito pelo estado do Ceará, Cid Gomes (PDT), mandou a real e acabou com a hipocrisia petista durante ato do PT em Fortaleza para o lançamento da da campanha pró-Haddad no estado que governou. O irmão de Ciro Gomes começou sugerindo que o PT fizesse uma autocrítica e assumisse erros do passado, quando começou a ser vaiado pela militância presente no auditório do Marina Park Hotel, Fortaleza. Sem recuar de suas posições, Cid Gomes enfrentou a militância que gritava o nome do ex-presidente Lula: “Lula, o que? Lula tá preso, babaca” e completou: “Isso é o PT. E o PT desse jeito merece perder. Só para rimar. Se vocês estivessem… babaca, vai perder a eleição. É isso aí. É esse sentimento que vai perder a eleição”.

Tem de pedir desculpas, tem de ter humildade e reconhecer que fizeram muita besteira”. As reações se dividiram; alguns aplaudiram, outros vaiaram e fizeram sinal de “não” com as mãos.

“Não admitir o mea culpa, os erros que cometeram, isso é para perder a eleição e é bem feito. Vocês deviam… o teu tipo, ue acha que fez tudo certo… Quem junto com ele acha que fez tudo certo…. Vão… Muito bem, muito bem. Pois vão, vão, vão e vão perder feio. Vão perder feio porque fizeram muita besteira. Porque aparelharam as repartições públicas. Porque acharam que eram donos de um país, e o Brasil não aceita ter dono”. As reações da platéia ainda se dividem.

“Quem criou o Bolsonaro foram essas figuras. Quem criou o Bolsonaro foram essas figuras que acham que são donas da verdade, que acham que podem fazer tudo, que acham que os fins justificam os meios. Muito bem, eu me calo, eu me calo numa boa. Não sei porque me pediram para falar antes. É para fazer faz de conta?”

Cid discutiu com alguns presentes, que cantavam músicas em apoio ao ex-presidente Lula. “Lula, o que? Lula tá preso, babaca”, respondeu ele aos gritos dos militantes. “Isso é o PT. E o PT desse jeito merece perder. Só para rimar. Se vocês estivessem… babaca, vai perder a eleição. É isso aí. É esse sentimento que vai perder a eleição”.

http://www.imprensaviva.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *