BRASÍLIA EM PÂNICO, SÉRGIO MORO É CONFIRMADO MINISTRO DA JUSTIÇA

Ex-embaixador dos EUA defende entrada do Brasil na Otan, aliança militar de potências ocidentais
1 de novembro de 2018
Superministério: Bom para Bolsonaro, péssimo para Lula
1 de novembro de 2018

O juiz federal Sérgio Moro aceitou nesta quinta-feira (1º) o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) para chefiar o Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Os dois estiveram reunidos nesta manhã, no Rio de Janeiro. Moro chegou à casa de Bolsonaro, na Barra da Tijuca, um pouco antes das 9h. Ele veio de Curitiba em voo de carreira e sem seguranças.

Após o encontro, Moro divulgou nota dizendo que aceitou “honrado” o convite. Moro disse, ainda, que aceitava o cargo com “certo pesar” pois terá que abandonar a carreira de juiz após 22 anos de magistratura.

“No entanto, a perspectiva de implementar uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado, com respeito à Constituição, à lei e aos direitos, levaram-me a tomar esta decisão”, escreveu Moro.

A possibilidade de Sergio Moro se tornar um superministro da Justiça deixou Brasília em pânico.

Brasília em pânico significa o Brasil tranquilo.

http://www.blogandotudo.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *