Adelio Bispo de Oliveira, o homem que esfaqueou Bolsonaro em Juiz de Fora, foi filiado ao PSOL

PM confirma identidade do suspeito de atentado a Bolsonaro
6 de setembro de 2018
MUDANDO DE VIDA: 5 PASSOS PARA QUEBRAR A ROTINA E SAIR DA ZONA DE CONFORTO
7 de setembro de 2018

A Veja acaba de informar que Adelio Bispo de Oliveira, identificado como o homem que esfaqueou o candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro na tarde desta quinta-feira, 06, foi filiado ao PSOL.

O ataque ocorreu quando Bolsonaro participava de uma carreata pela cidade de Juiz de Fora (MG), quando Adelio se aproximou do candidato e desferiu-lhe uma facada no abdome.

Segundo a Veja, Adelio Bispo de Oliveira foi filiado ao PSOL de Uberaba (MG) entre 2007 e 2014, quando pediu para deixar o partido. As informações constam do registro de filiados junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Ao que tudo indica, o sujeito é um desequilibrado. Seu perfil nas redes sociais sugere teorias conspiratórias contra maçonaria, opositor de políticos como  Alckmin, Temer e o próprio Bolsonaro. Enéas Carneiro, falecido em 2007, é o único político elogiado nas páginas de Adelio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *